sábado, 25 de setembro de 2010

Cervejaria Zschoerper / Cruzeiro do Sul


A família Zschoerper tem um envolvimento bastante antigo com as cervejarias históricas de São Bento do Sul em Santa Catarina. O pioneiro foi Paul Zschoerper, imigrante que chegou ao Brasil em 1883, natural de Wigensdorf, Condado de Chemnitz, Saxônia, na Prússia.

Paul por volta de 1885 foi funcionário na cervejaria que ostentava o bonito nome de ‘zum Waldschlößchen’ (ao castelinho da floresta) do Capitão Adolph von Altrock, o capitão era tido como o melhor cervejeiro dos tempos antigos de São Bento. Entre 1886 e 1888 participou como sócio de Bruno Ryssel, em outra iniciativa no ramo.

Em 1898 Paul Zschörper estabelece sua própria cervejaria, que talvez tivesse o nome de Fábrica de Cerveja Paul Zschöper, no centro da vila, atual Avenida Nereu Ramos, próximo ao Edifício Bavária. Um dos filhos de Paul Zschörper, de nome Otto passa a participar no negócio nos anos seguintes e assume definitivamente a gerencia da firma por ocasião da morte do patriarca, que ocorreu em 1909, mudando o nome da cervejaria para Fábrica de Cerveja de Otto Zschöper.


Em 1914 a cervejaria passa a fechar suas garrafas utilizando chapinhas metálicas.

Na década de 20 adotam o nome de Cervejaria Cruzeiro do Sul.
Em 1936, diante da concorrência cada vez maior das cervejas de fora da cidade, vindas de centros maiores como Curitiba, Joinville e mesmo São Paulo e Rio de Janeiro, a empresa promoveu uma reformulação geral da produção e lançou novas marcas de cerveja: “Cometa”, “Porter” (nova fórmula) e “Especial”. O lançamento das novas marcas de cerveja ocorreu com bastante alarde numa grande festa de casamento de Otto Rössler Filho com Amanda Telma. Ali foram servidas as primeiras rodadas do que diziam “ein Sonderbier vom Zschörper” (uma cerveja especial do Zschoerper).
Na década seguinte, seriam lançadas as marcas “Princesa” e “Estrella” que ainda hoje estão na memória de algumas pessoas.
">
A fabricação de cervejas por parte da família Zschoerper continuou até a década de 1950, quando passaram a dedicar-se à distribuição dos produtos da Cia. Cervejaria Brahma, descontinuando a produção própria de bebidas. Não existe um registro histórico definitivo estabelecendo exatamente o ano em que pararam com a fabricação de cervejas. Seria a última cervejaria dos tempos antigos a encerrar suas atividades em São Bento do Sul.

Como distribuidora Brahma, a firma Zschoerper funcionou até 1982.



Um comentário:

Pierre Lundblad disse...

Miuto interessante Carlos,

Os rótulos são lindas,tem repetidos ?
Obrigado
Pierre